Notícias

Prefeito e secretário de Mauá são detidos em ação da Polícia Federal

O prefeito de Mauá, Atila Jacomussi (PSB), e o secretário João Gaspar (PCdoB), foram detidos nesta quarta-feira (9) pela operação Prato Feito, da Polícia Federal.

A ação investiga desvios de verbas da merenda escolar. Somente na região do Grande ABC, cerca de 19 mandados de busca e apreensão foram emitidos pela Justiça.

Em nota encaminhada à imprensa, a Prefeitura de Mauá declarou que o prefeito foi à sede da PF voluntariamente.

Gaspar foi flagrado em escutas telefônicas negociando com agentes públicos e empresários das cidades de Peruíbe e São Sebastião, quando era assessor parlamentar de Jacomussi durante o mandato como deputado estadual (em 2015 e 2016).

A Polícia Federal quebrou o sigilo bancário do secretário e confirmou a existência de pagamentos de empresários na conta dele. Os advogados de Gaspar declararam que vão recorrer da prisão.

Com informações do jornal Destak